ABONG -  - Associação Brasileira de Organizações Não Governamentais

associe-se

conheça nossas associadas

Procure pelo nome em um dos campos abaixo:

selecione
selecione

Ou faça aqui uma busca detalhada:

selecione
selecione
selecione
selecione
  • APOIO

    • Instituto C&A
  • REDES

    • MCCE
informes - ABONG

3727/11/2006 a 13/11/2006

Rede comemora um ano de controle social da tuberculose

A Rede Paulista de Controle Social da Tuberculose fez um ano de vida. Nesse período, atuou intensamente, realizando várias ações: na Semana de 24 de março, Dia Mundial de Luta contra a Tuberculose, promoveu atividades em praças da cidade de São Paulo, em diferentes regiões. Foram apresentados teatro, distribuição de folhetos informativos sobre a doença e sobre a Rede, produzidos e distribuídos CDs com spots sobre a tuberculose, para os eventos de rua e para Campanha em emissoras de rádio comunitárias e comerciais. A Rede divulgou informações sobre a doença, tratamento e cura, em parceria com os programas municipal e estadual de controle da tuberculose.

E para a comemoração deste primeiro ano, foi realizado, em 28 de setembro, o Seminário A tuberculose tem cura e São Paulo tem mobilização social pelo controle da tuberculose, que reuniu representantes da sociedade civil que fazem parte da Rede e participantes do Programa de Controle da Tuberculose, do Estado e do município. "A importância da Rede fez com que recebêssemos, em fevereiro, a visita internacional da Missão Stop TB - organização que reúne mais de 400 instituições de todo o mundo. A Rede foi também incorporada naquele mesmo mês ao Fórum Parceria Brasileira de Controle da Tuberculose", conta Nadja Faraone, ex-coordenadora e atual voluntária da ONG Ação da Cidadania, coordenadora da Rede Paulista e membro da Rede Brasileira de Pesquisa em Tuberculose. "Participamos de vários eventos do Fórum ONGs Tuberculose do Rio de Janeiro, para reforçar esta importante parceria em mobilização social no controle da tuberculose e para a redução da carga da doença nos dois Estados, que, juntos, detêm 50% da carga de tuberculose no Brasil." 

Neste segundo ano, conforme Nadja, os objetivos de capacitação e formação nos temas da tuberculose e mobilização e controle social serão intensificados, assim como a busca do acompanhamento da execução orçamentária dos recursos governamentais e internacionais para o controle da doença.


Esforços

O esforço para redução da tuberculose se intensificou a partir de 1993, quando a Organização Mundial da Saúde apresentou o controle da tuberculose como prioridade mundial. 

Em 2000, reunidos no Dia Mundial da Tuberculose, 20 países - entre eles, o Brasil, que ocupa a desconfortável 15ª posição entre os 22 países que apresentam 80% dos casos da doença estimados no mundo - adotaram a Declaração de Amsterdã para combater a tuberculose. Dentre as Metas do Milênio está o da redução de 50% dos casos de morte e infecção da tuberculose até 2015. "Assim, o Ministério da Saúde brasileiro considera um desafio e prioritário o seu controle."

lerler
  • PROJETOS

    • Agenda 2030

Rua General Jardim, 660 - Cj. 71 - Osasco- CEP: 01223-010 - São Paulo - SP - Tel.: 11 3237-2122

Horário de funcionamento do escritório: segunda à sábado, das 9h às 19h

design amatraca