ABONG -  - Associação Brasileira de Organizações Não Governamentais

associe-se

conheça nossas associadas

Procure pelo nome em um dos campos abaixo:

selecione
selecione

Ou faça aqui uma busca detalhada:

selecione
selecione
selecione
selecione
  • APOIO

    • Instituto C&A
  • REDES

    • MCCE
informes - ABONG

20129/01/2001 a 4/02/2001

FSM desafia Davos a propor perdão das dívidas, Taxa Tobin e fim dos paraísos fiscais

Respondendo aos interlocutores de Davos sobre as propostas concretas do FSM, Bernard Cassen sugeriu que os quatro interlocutores elaborassem um documento e coletassem assinaturas no Fórum Econômico estabelecendo o cancelamento das dívidas externas do Terceiro Mundo; criação da Taxa Tobin (taxação sobre as transações financerias internacionais), e apreensão total dos "paraísos fiscais".

Sobre a pobreza na África, Aminata Traoré disse considerar "insultivas" as afirmações de Soros: "Vocês sempre estiveram próximos de governos corruptos. Suas palavras nos dão a impressão que o problema está na África, e a solução, fora. É o contrário". No mesmo sentido, Nijoki Njehe afirmou que os governos corruptos e ditadores não teriam proliferado se o Banco Mundial não os tivesse financiado.


ONU

A presença do secretário-geral da ONU em Davos e de dois representantes na teleconferência foi questionada em Porto Alegre. "Considero uma prostituição a ONU estar junto com empresários, representando Davos", afirmou Walden Bello. Os representantes da ONU no debate tentaram justificar a ação da entidade dizendo que o secretário-geral da ONU foi a Davos por ser aquele "o melhor lugar para desafiar os maiores empresários". "Não representamos Davos. O papel da ONU é encontrar soluções mundiais, por isso estamos aqui ouvindo vocês", afirmaram.

lerler
  • PROJETOS

    • Observatório da Sociedade Civil

Rua General Jardim, 660 - Cj. 71 - Osasco- CEP: 01223-010 - São Paulo - SP - Tel.: 11 3237-2122

Horário de funcionamento do escritório: segunda à sábado, das 9h às 19h

design amatraca