ABONG -  - Associação Brasileira de Organizações Não Governamentais

associe-se

conheça nossas associadas

Procure pelo nome em um dos campos abaixo:

selecione
selecione

Ou faça aqui uma busca detalhada:

selecione
selecione
selecione
selecione
  • APOIO

    • Instituto C&A
  • REDES

    • Plataforma Reforma Política
informes - ABONG

119dezembro de 2000

Fundação Rureco recebe Prêmio de Conservação Ambiental

No último dia 1o de dezembro, a Fundação Rureco recebeu o prêmio Henry Ford de Conservação Ambiental, concedido pela Fundação Ford e Conservation International do Brasil. Foram apreciados 140 projetos em cinco categorias, e a Rureco foi premiada na categoria negócios em conservação, pelo trabalho que vem sendo realizado junto aos agricultores familiares e suas organizações na região Centro-Oeste do Paraná, em relação às plantas medicinais.

O trabalho com plantas medicinais naquela região teve início na década de 1980, com a troca de experiências entre os grupos de mulheres de sindicatos de Trabalhadores Rurais e Associações. Segundo a Rureco, a atuação das Pastorais da Saúde e da Criança foi fundamental para a difusão desse conhecimento. A partir de 1996, os sindicatos dos trabalhadores rurais perceberam que as plantas medicinais poderiam contribuir para incrementar a renda dos agricultores familiares e buscaram, com a Rureco, uma estratégia de produção que permitisse a comercialização.

Para responder a este desafio, a ONG estabeleceu parceria com o Instituto Agroflorestal Bernardo Harkvoort, Universidade Estadual do Centro-Oeste do Paraná, Prefeitura Municipal de Guarapuava e Embrapa. Este grupo elaborou e vem desenvolvendo o projeto "Florestas Medicinais", que conta ainda com o apoio da Central Regional de Comercialização do Centro-Oeste do Paraná, Pastoral da Criança e Fundação Educacional de Guarapuava, Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Turvo, Agri-natura Alimentos Naturais e Inconfin Paraná.


Desenvolvimento rural

A Fundação Rureco foi criada em 1986, pelos Sindicatos dos Trabalhadores Rurais - STR e Associações Municipais de Turvo e Nova Tebas e os STR de Pitanga e Turvo, municípios da região Centro-Oeste do Paraná. No início a organização se caracterizou como um espaço de articulação para entidades já existentes na região, com o objetivo de construir um Projeto Regional Alternativo para o meio rural.

A partir de 1991 desenvolveu alguns projetos na área de comercialização - estruturação de mercados locais e de Central Regional de Comercialização -, beneficiamento de feijão, arroz e produtos à base de milho, além do Centro de Formação e Continuação do trabalho com produção de leite, entre outros.

A Rureco também participou da implantação do Programa de Apicultura, que possibilitou a estruturação de aproximadamente 400 famílias de agricultores na atividade e a posterior formação da Unidade de Beneficiamento de Mel na região.

Em 1997 a ONG organizou um processo de avaliação que apontou como novos caminhos a ampliação das suas relações no espaço regional, a busca de novos parceiros para apoiar o trabalho e maior envolvimento com organizações de agricultura familiar.


Fundação Rureco - (42) 723-7849/7310; rureco@gol.psi.br

lerler
  • PROJETOS

    • Programa de Desenvolvimento Institucional (PDI)

Rua General Jardim, 660 - Cj. 71 - Osasco- CEP: 01223-010 - São Paulo - SP - Tel.: 11 3237-2122

Horário de funcionamento do escritório: segunda à sábado, das 9h às 19h

design amatraca