ABONG -  - Associação Brasileira de Organizações Não Governamentais

associe-se

conheça nossas associadas

Procure pelo nome em um dos campos abaixo:

selecione
selecione

Ou faça aqui uma busca detalhada:

selecione
selecione
selecione
selecione
  • APOIO

    • Misereor
  • REDES

    • Fórum Social Mundial
informes - ABONG

51607/11/2013 a 05/12/2013

Outro sistema financeiro é possível? Entenda melhor a Campanha TTF Brasil

A criação e aplicação de uma Taxa sobre as Transacções Financeiras (TTF)  vêm sendo discutidas há vários anos a nível internacional, não só no âmbito da UE como também da ONU e do G20. A ideia é criar uma taxa sobre as transações financeiras à escala global que contribua para ajudar os países mais afetados pela instabilidade financeira.

 

A TTF tem várias vantagens. É uma maneira de obter do sector financeiro e da banca, até agora em grande parte isenta de taxas (por exemplo, isenção de IVA), uma contribuição justa e equilibrada (com taxas muito modestas de 0,01 e 0,01%), tanto mais necessária, considerando que este sector tem sido financiado, em grande parte, pelos contribuintes.

 

Mas mais importante, esta taxa pode criar mais recursos para minimizar os efeitos económicos e sociais muito negativos causados pela crise e pelos cortes sociais em Portugal, na Europa e no Mundo. É essencial que parte das receitas desta taxa sejam canalizadas para financiar prioridades que devem também ser consideradas como um objectivo comum a todos os países europeus, nomeadamente a luta contra a pobreza, o combate às doenças pandémicas e a minimização dos efeitos das alterações climáticas nos países em desenvolvimento.

Por último, esta taxa pode contribuir positivamente para mudar o comportamento dos mercados financeiros e da banca, tornando estes mais favoráveis aos investimentos produtivos de longo prazo.

 

Entenda melhor a Campanha TFF Brasil: http://www.ttfbrasil.org/principal/

 

Leia mais:

Sociedade Civil apela que seja implementada uma Taxa sobre as Transações Financeiras alargada

 

Cooperação e direitos humanos na agenda pós-2015

 

Democracia econômica: se não agora, quando?

 

Para reduzir as iniquidades

 

Cooperação e direitos humanos na agenda pós-2015

 

 

 

Fonte: Plataforma Portuguesa da ONGD

 

lerler
  • PROJETOS

    • Programa de Desenvolvimento Institucional (PDI)

Rua General Jardim, 660 - Cj. 71 - Osasco- CEP: 01223-010 - São Paulo - SP - Tel.: 11 3237-2122

Horário de funcionamento do escritório: segunda à sábado, das 9h às 19h

design amatraca