ABONG -  - Associação Brasileira de Organizações Não Governamentais

associe-se

conheça nossas associadas

Procure pelo nome em um dos campos abaixo:

selecione
selecione

Ou faça aqui uma busca detalhada:

selecione
selecione
selecione
selecione
  • APOIO

    • Petrobras
  • REDES

    • TTF Brasil

Ganhadores do Prêmio Educar para a Igualdade Racial serão premiados em dezembro

09/12/2010

Ao todo foram 785 inscritos na 5ª Edição do Prêmio Educar para a Igualdade Racial: experiências de promoção da igualdade étnico-racial no ambiente escolar, promovido pelo CEERT (Centro de Estudos das Relações de Trabalho e Desigualdade) em parceria com ongs, e com apoio do Grupo Santander Brasil e da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (SEPPIR). Desses, 16 serão premiados em dezembro por desenvolverem experiências de promoção da igualdade nas escolas. Os premiados estão divididos em duas categorias, sendo oito na categoria professor e oito na categoria gestão escolar.

Os prêmios para a categoria professor são: R$ 5 mil para cada um dos oito professores premiados; um kit de livros sobre a temática das relações étnico-raciais; e dois dias de curso sobre “Igualdade e Diversidade Étnico-racial na Educação”, que reunirá especialistas na temática da promoção da igualdade étnico-racial de todo o país, educadores, gestores públicos e representantes de ongs. O curso será realizado nos dias 14 e 15 na Fundação Getúlio Vargas (FGV), em São Paulo, em parceira com o Grupo Santander Brasil.

Já as oito experiências de gestão escolar premiadas recebem, além dos kits de livros e a participação no curso citado, R$ 10 mil cada, que serão depositados na conta das APMs (associações de pais e mestres). Duas escolas – selecionadas pelo júri final realizado em outubro – ainda terão a oportunidade de serem acompanhadas pela equipe do CEERT por um período de até 12 meses para auxiliar na consolidação da iniciativa inscrita no Prêmio Educar.

Esta 5ª Edição do Prêmio Educar bateu o recorde de experiências inscritas, sendo o número total 100% maior do que o número de inscritos na última edição nacional, realizada em 2006. Esse fato demonstra, não apenas que o Prêmio Educar ganhou notoriedade no âmbito da educação – sobretudo após alteração na LDB pela lei 10.639 – como também comprova ser um espaço para revelar experiências vindouras realizadas nos cinco cantos do país.


Dos 33 trabalhos selecionados para o júri final, a região Nordeste foi a que concentrou o maior número de finalistas, com 11 no total; seguida pela região Sudeste, com nove, a região Sul com cinco, e as regiões Norte e Centro-oeste com quatro cada uma. Os números mostram a abrangência do Prêmio Educar. Além de ter recebido inscrições de todos os estados brasileiros, foi possível notar uma descentralização maior do Prêmio com muitas experiências finalistas de estados das regiões Norte e Nordeste.

O evento de celebração do 5º Prêmio Educar para a Igualdade Étnico-racial será realizado no SESC Santana, São Paulo, no dia 14 dezembro, quando também serão comemorados os 20 anos do CEERT.

 

Fonte: CEERT

 

PALAVRAS-CHAVE

  • PROJETOS

    • Observatório da Sociedade Civil

Rua General Jardim, 660 - Cj. 71 - Osasco- CEP: 01223-010 - São Paulo - SP - Tel.: 11 3237-2122

Horário de funcionamento do escritório: segunda à sábado, das 9h às 19h

design amatraca