ABONG -  - Associação Brasileira de Organizações Não Governamentais

associe-se

conheça nossas associadas

Procure pelo nome em um dos campos abaixo:

selecione
selecione

Ou faça aqui uma busca detalhada:

selecione
selecione
selecione
selecione
  • APOIO

    • Instituto C&A
  • REDES

    • Mesa de Articulación

BNDES aprova R$ 9,3 milhões para sustentabilidade ambiental no Pará

24/03/2011

O BNDES aprovou, no âmbito do Fundo Amazônia, apoio financeiro no valor de R$ 9,3 milhões à Federação de Órgãos para Assistência Social e Educacional (FASE) para o desenvolvimento do projeto Fundo Dema - Uso Sustentável na Amazônia Paraense.

 

O objetivo é apoiar projetos socioambientais de pequeno valor, tendo como beneficiárias comunidades tradicionais da Amazônia (pequenos produtores, quilombolas e indígenas), localizadas no Estado do Pará, com foco na área de influência das rodovias Transamazônica e BR-163 e na região do Baixo Amazonas.

 

Com o apoio à FASE, a carteira do Fundo Amazônia, administrado pelo BNDES, passa a contar com 14 projetos aprovados, no valor total de R$ 200 milhões.

 

A operação contempla o lançamento, durante três anos, de oito chamadas públicas de seleção de projetos. Destas, três chamadas serão referentes a projetos socioambientais; duas voltadas para comunidades indígenas do Xingu; e três para comunidades quilombolas. Os projetos a serem selecionados e apoiados a partir dessas chamadas públicas serão enquadrados em pelo menos uma das seguintes áreas temáticas: manejo florestal comunitário sustentável; atividades econômicas desenvolvidas a partir do uso sustentável da floresta; conservação e uso sustentável da biodiversidade; e recuperação de áreas degradadas.

 

A FASE, criada em 1961, é uma associação sem fins lucrativos com ações nas áreas de desenvolvimento social e ambiental.

 

O Fundo Dema é resultado de uma parceria entre o governo federal e a sociedade civil, tendo sido criado em 2004 com recursos provenientes da venda de seis mil toras de mogno ilegalmente extraídas e apreendidas, majoritariamente, na região de Altamira e São Feliz do Xingu (PA).

 

O IBAMA, ao realizar a apreensão das toras de madeira, optou por doá-las com encargos para uma organização de utilidade pública federal, de forma que os recursos obtidos com a venda do mogno pudessem ser utilizados para compensar a região pelo dano ambiental sofrido. Assim, foi criado, em nome da FASE, o Fundo Dema, cujos rendimentos devem ser direcionados ao apoio a projetos de desenvolvimento sustentável no Oeste do Pará.

 

Fonte: BNDES

 

PALAVRAS-CHAVE

  • PROJETOS

    • Observatório da Sociedade Civil

Rua General Jardim, 660 - Cj. 71 - Osasco- CEP: 01223-010 - São Paulo - SP - Tel.: 11 3237-2122

Horário de funcionamento do escritório: segunda à sábado, das 9h às 19h

design amatraca