ABONG -  - Associação Brasileira de Organizações Não Governamentais

associe-se

conheça nossas associadas

Procure pelo nome em um dos campos abaixo:

selecione
selecione

Ou faça aqui uma busca detalhada:

selecione
selecione
selecione
selecione
  • APOIO

    • Misereor
  • REDES

    • MCCE

Bancada do PT apresentará texto alternativo ao novo Código Florestal

07/04/2011

O líder do PT na Câmara, deputado Paulo Teixeira (SP), afirmou nesta terça-feira (5) que na próxima semana a bancada do partido apresentará um texto alternativo ao substitutivo do deputado Aldo Rebelo (PCdoB-SP) que altera o Código Florestal. Segundo o líder, a bancada também aguardará uma posição do governo federal antes de votar o Código Florestal em plenário. As decisões foram tomadas na reunião dos núcleos Agrário e Ambiental do partido, e aprovadas pelos 18 parlamentares presentes ao encontro.

 

"O relatório (de Aldo Rebelo) ainda não está maduro para ser votado. Nós, do PT, achamos que deve haver mudanças no atual Código, desde que sejam de forma equilibrada, sem radicalismo de um lado ou outro. Nós precisamos ter mais tempo para discutir as mudanças. Temos que adequar o relatório aos interesses do país", afirmou.

 

Para isso, afirmou o líder Paulo Teixeira, a bancada do PT na Câmara apresentará na semana que vem uma proposta unificada sobre as alterações defendidas pelo partido referentes ao novo Código Florestal. Segundo ele, entre as posições que a bancada do PT não abre mão estão a manutenção da reserva legal, a preservação das nascentes e a defesa dos interesses dos pequenos agricultores.

 

O deputado Pedro Uczai (PT-SC) afirmou que o texto da atual proposta de reforma do código "só atende os interesses do agronegócio no país". Segundo ele, o substitutivo de Aldo Rebelo deixa em segundo plano questões como a sustentabilidade ambiental, condição, segundo o deputado, fundamental ao desenvolvimento econômico e social no campo.

 

Durante a reunião ficou decidido que os deputados Assis do Couto (PT-PR), Fernando Marroni (PT-RS), Luci Choinacki (PT-SC), Márcio Macedo (PT-SE) e Padre Ton (PT-RO) trabalharão na confecção do anteprojeto que será apresentado e debatido pelo conjunto da bancada do PT antes do anúncio da posição oficial.

 

Incra - O Núcleo Agrário do PT, também se reuniu neta terça-feira (5) com o presidente do Instituto de Colonização e Reforma Agrária (Incra), o engenheiro agrônomo Celso Lisboa de Lacerda. No encontro, o novo presidente do órgão apresentou um balanço sobre a atual situação do Incra e pediu o apoio dos deputados do núcleo para as matérias de interesse da entidade na Câmara.

 

O coordenador do Núcleo Agrário, deputado Beto Faro (PT-PA), afirmou ao dirigente que o Incra "pode contar com os 16 deputados que fazem parte do colegiado para auxiliar a entidade na implementação da reforma agrária e defender os interesses dos assentados no parlamento".

 

Fonte: Site Oficial da Liderança do PT

 

PALAVRAS-CHAVE

  • PROJETOS

    • Programa de Desenvolvimento Institucional (PDI)

Rua General Jardim, 660 - Cj. 71 - Osasco- CEP: 01223-010 - São Paulo - SP - Tel.: 11 3237-2122

Horário de funcionamento do escritório: segunda à sábado, das 9h às 19h

design amatraca