ABONG -  - Associação Brasileira de Organizações Não Governamentais

associe-se

conheça nossas associadas

Procure pelo nome em um dos campos abaixo:

selecione
selecione

Ou faça aqui uma busca detalhada:

selecione
selecione
selecione
selecione
  • APOIO

    • Fundação Ford
  • REDES

    • ALOP

MST denuncia empresa que invadiu terras públicas em São Paulo

22/11/2011

Como parte de ações que integram a da Jornada Nacional de Lutas por Reforma Agrária, aproximadamente 400 integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) ocuparam a Fazenda Santo Henrique, de 2,6 mil hectares, no município de Iaras, no interior de São Paulo.

 

De acordo com o MST, a área da Fazenda foi invadida ilegalmente pela empresa Cutrale. Para o integrante da coordenação nacional do Movimento, Gilmar Mauro, a área tem origem pública e, de acordo com a lei, deve ser destinada à reforma agrária.

 

“Ocupar a fazenda novamente é colocar em questão o tema ‘terras públicas’. Questionar o governo federal de por que não se toma iniciativa de arrecadar terras do próprio governo para assentamento da reforma agrária. Isso deveria ser feito, pois temos muitas famílias acampadas em todo o estado".

 

O Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) já tem estudos que comprovam que a área é devoluta e disputa na Justiça a posse da fazenda.

 

A Cutrale admitiu que a área não é regular e assumiu o compromisso de repassar uma área para o assentamento das famílias acampadas na região. No entanto, a empresa não cumpriu o acordo feito com o Incra.

 

Ouça o áudio aqui.

 

Fonte: Radioagência NP, Danilo Augusto

 

PALAVRAS-CHAVE

  • PROJETOS

    • Informação, formação e comunicação em favor de um ambiente mais seguro para a sociedade civil organizada

Rua General Jardim, 660 - Cj. 81 - São Paulo - SP - 01223-010
11 3237-2122
abong@abong.org.br

design amatraca