ABONG -  - Associação Brasileira de Organizações Não Governamentais

associe-se

conheça nossas associadas

Procure pelo nome em um dos campos abaixo:

selecione
selecione

Ou faça aqui uma busca detalhada:

selecione
selecione
selecione
selecione
  • APOIO

    • Fundação Ford
  • REDES

    • Plebiscito Constituinte

Inesc participa do Fórum Social Temático de 2012

20/01/2012

A equipe do Inesc participa, na próxima semana, entre os dias 24 e 29 de janeiro, do  Fórum Social Temático 2012 (FST 2012)* , que ocorrerá em quatro cidades distintas do Rio Grande do Sul (Porto Alegre, Canoas, São Leopoldo e Novo Hamburgo). Iara Pietricovsky e José Moroni, membros do colegiado de gestão do Instituo; e Edélcio Vigna, assessor político do Inesc; estarão no FST 2012. O objetivo da equipe é contribuir para debater o tema do evento “Crise capitalista e busca por justiça social e ambiental”.


O FST 2012 se propõe ser um espaço de debates preparatórios para a Cúpula dos Povos** , reunião alternativa ao evento das Nações Unidas para o Desenvolvimento Sustentável, a Rio+20, que acontece em junho, no Rio de Janeiro. Segundo informações do Comitê Organizador do evento, o FST 2012 contará, com aproximadamente, 40 mil pessoas e realizará mais de 900 atividades, entre conferências, debates, oficinas, mostras, shows e apresentações artísticas. 

Para Iara Pietricovsky, que também compõe o Comitê Facilitador da Sociedade Civil Brasileira para a Rio+20 (CFSC), que é responsável pela organização da Cúpula dos Povos na Rio+20, a participação do Inesc é importante porque o Instituto “faz parte do movimento social que está se mobilizando para recompor o campo crítico da sociedade civil brasileira, em articulação com os movimentos sociais do restante do mundo”. Ela diz também que esse movimento acompanha a agenda mundial de grandes eventos como a reunião do G20, que ocorreu no ano passado; a Rio +20, a Cop 18 e a Conferência das Águas, que acontecerão este ano. 

“Nós queremos mudar o sistema. Mudar a forma de como está sendo operado o mundo político, mudar o sistema de consumo e o sistema comercial, queremos um mundo que atenda, prioritariamente, as necessidades da população. Não este no qual estamos vivendo em que o interesse maior é no crescimento das instituições e corporações econômicas e financeiras”, afirma Iara. 

Edélcio Vigna diz que o FST 2012 também é uma oportunidade onde o Inesc poderá colocar seu posicionamento no debate, por meio da participação nas mesas de diálogo. “Se por um lado o Fórum tem uma relevância por ser uma preparação para a Cúpula dos Povos da Rio+20, por outro, ele é importante por propor a discussão sobre a crise capitalista. Temos que pensar que essa crise atinge um patamar que coloca em perigo a existência da humanidade, caso não seja resolvida a questão da sustentabilidade planetária”, completa Vigna.

 

Iara participará de vários momentos dentro do FST 2012, onde tratará de assuntos como o panorama, as estratégias e as propostas da Rio+20. José Moroni contribuirá no debate do Fórum Social da Saúde, além de participar das discussões que serão promovidas pelo Instituto de Desenvolvimento Social (IDS), quando abordará a reforma política. Neste debate as discussões ficarão em torno do tema "novas formas de se fazer política" e Moroni estará juntamente Edgar Morin (escritor, antropólogo, sociólogo, filósofo) e Marina Silva (ambientalista, historiadara, pedagoga e política brasileira). Edélcio Vigna participará das mesas que abordam temas como a segurança alimentar e nutricional, bem como dos impactos da mineração.


*O que é o FST 2012: Fórum Social Temático será realizado de 24 a 29 de janeiro em Porto Alegre, Canoas, São Leopoldo e Novo Hamburgo. Com o tema “Crise capitalista e busca por justiça social e ambiental”, o FST 2012 é um evento descentralizado que se insere no processo do Fórum Social Mundial. Além disso, será um encontro preparatório para a Cúpula dos Povos da Rio +20, reunião dos movimentos sociais paralela à conferência da ONU para o Desenvolvimento Sustentável, marcada para junho, no Rio de Janeiro.

**A Cúpula dos Povos na Rio+20 por Justiça Social e Ambiental é um evento organizado pela sociedade civil global que acontecerá entre os dias 15 e 23 de junho no Aterro do Flamengo, no Rio de Janeiro – paralelamente à Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável (UNCSD), a Rio+20. A Cúpula esta sob a responsabilidade do Comitê Facilitador da Sociedade Civil para a Rio+20 (CFSC).

Veja mais sobre o Fórum no site

 

Fonte: Inesc

 

 

PALAVRAS-CHAVE

  • PROJETOS

    • Programa de Desenvolvimento Institucional (PDI)

Rua General Jardim, 660 - Cj. 71 - São Paulo - SP - 01223-010
11 3237-2122
abong@abong.org.br

design amatraca