ABONG -  - Associação Brasileira de Organizações Não Governamentais

associe-se

conheça nossas associadas

Procure pelo nome em um dos campos abaixo:

selecione
selecione

Ou faça aqui uma busca detalhada:

selecione
selecione
selecione
selecione
  • APOIO

    • Fundação Ford
  • REDES

    • MCCE

Militantes do movimento Occupy nos EUA fazem ação em solidariedade ao MST

23/04/2012

Moradores do município de Albany (Baía de São Francisco, na Califórnia, EUA), agricultores, estudantes, pesquisadores e ativistas ocuparam nesse domingo (22) uma área pública conhecida como Lote Gill, administrada pela Universidade da Califórnia.

A ação batizada de Occupy the Farm (Ocupar a Fazenda), foi realizada no mês de abril em solidariedade à Via Campesina e ao MST, já que nesse período são feitas diversas ações na luta pela terra para relembrar a morte de 21 Sem Terra no município de Eldorado dos Carajás, no Pará. A operação conduzida pela Polícia Militar em 1996 ficou conhecida como o Massacre de Eldorado dos Carajás.

O Lote Gill é um dos últimos remanescentes de 10 hectares de solo agrícola Classe I (ideal para agricultura) na área urbana de Albany, Baía de São Francisco, Califórnia. O Lote Gill é terra pública administrada pela Universidade da Califórnia, que no entanto, está a venda para construtores privados.

Durante décadas, a Universidade da Califórnia tem frustrado as tentativas da comunidade de transformar o local para agricultura urbana sustentável e educação participativa. Com desrespeito deliberado pelo interesse público, os administradores da Universidade planejam pavimentar esse privilegiado solo agrícola para uso comercial de um supermercado, WholeFoods, e um estacionamento.

"Durante dez anos, as pessoas de Albany tentaram transformar o Lote Gill em uma Fazenda Urbana e um espaço mais aberto para a comunidade. As pessoas na área da Baía merecem usar este tesouro da terra para agricultura urbana que possa ajudar a proteger o futuro da nossas crianças ", explica Jackie Hermes-Fletcher, uma moradora de Albany e professora de escola pública por 38 anos.

Ocupar a Fazenda procura resolver os problemas estruturais de saúde e desigualdade na Califórnia que decorrem da falta de acesso a alimentos e à terra. A ação de hoje recupera o Lote Gill para demonstrar e exercer o direito dos povos a utilizar o espaço público para o bem público. Esta fazenda irá servir como núcleo para agricultura urbana, uma fonte de alimento saudável e acessível para os residentes da área e um centro educacional.

"Cada pedaço de terra urbana não contaminada precisa ser cultivada para que possamos recuperar o controle sobre a forma como o alimento é cultivado, de onde vem, e para quem vai", diz Anya Kamenskaya, ex-aluna da Universidade da Califórnia e educadora de agricultura urbana. "Nós podemos cultivar espaços subutilizados como estes para criar alternativas para o controle empresarial do nosso sistema alimentar."

A Universidade da Califórnia decidiu privatizar este recurso público singularpara espaço comercial e, ironicamente, uma mercearia de alto-padrão. Este é apenas o último de uma série de esquemas de privatização. Ao longo das últimas décadas, a universidade tem deslocado cada vez mais o uso do Lote Gill da agricultura sustentável para a biotecnologia, com financiamento de empresas como a Novartis e BP.

Frustradas que o diálogo tradicional tem caído em ouvidos surdos, muitos moradores locais, estudantes e professores se uniram como movimento social “OccupytheFarm”, Ocupar a Fazenda, para tomar de volta o Lote Gill. Este grupo está trabalhando para capacitar as comunidades para controlar seus próprios sistemas alimentares para um futuro resiliente, estável e justo - um conceito e prática conhecido comosoberania alimentar.

O Lote Gill está localizado entre as cidades de Berkeley e Albany, na intersecção da Avenida San Pablo e Avenida Marin.

A quem está na região, o movimento esta pedindo apoio e solidariedade pessoal:

• Junte-se: Venha vestida para trabalhar! Precisamos de pessoas para ajudar a lavrar a terra, plantar mudas, lecionar oficinas em agricultura urbana, e muito mais.

• Doação / Empréstimo: Precisamos de pás, ancinhos, picaretas, moto-cultivadores, fita de irrigação por gotejamento, luvas, chapéus, alimentos e qualquer outra coisa relacionada a agricultura!

• As doações em dinheiro podem ser enviadas através do nosso site emhttp://www.takebackthetract.com

A quem está no Brasil, o movimento esta pedindo apoio e solidariedade internacionalista:

•Divulguem informação sobre nossa luta! Precisamos de apoio político em todos os níveis, e quanto maior for a exposição pública de nossa luta, maior serão nossas chances de resistir repressão!

 

Fonte: Página do MST

 

PALAVRAS-CHAVE

  • PROJETOS

    • Programa de Desenvolvimento Institucional (PDI)

Rua General Jardim, 660 - Cj. 81 - São Paulo - SP - 01223-010
11 3237-2122
abong@abong.org.br

design amatraca