ABONG -  - Associação Brasileira de Organizações Não Governamentais

associe-se

conheça nossas associadas

Procure pelo nome em um dos campos abaixo:

selecione
selecione

Ou faça aqui uma busca detalhada:

selecione
selecione
selecione
selecione
  • APOIO

    • Petrobras
  • REDES

    • Action2015

Representantes de candidatos à presidência debatem saúde pública

13/09/2010

A Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca (ENSP/Fiocruz), no Rio de Janeiro, promoverá debate entre os representantes dos principais candidatos à presidência da República, no próximo dia 15, às 9h30, no auditório térreo da ENSP. O evento faz parte das comemorações dos 56 anos da ENSP, que englobam, de 13 a 17 de setembro, diversas atividades científicas e culturais voltadas para profissionais, alunos e para a comunidade de Manguinhos.

 

Participarão do evento principal Helvécio Magalhães Junior, ex-secretário municipal de Saúde de Belo Horizonte e ex-presidente do Conasems, representando Dilma Rousseff (PT); Renilson Rehem, ex-secretário-adjunto de Estado da Saúde de São Paulo e ex-secretário de Atenção à Saúde do Ministério da Saúde, representando o candidato José Serra (PSDB); e Suely Rozenfeld, pesquisadora titular da ENSP/Fiocruz, representando o candidato Plínio de Arruda Sampaio (PSOL). O representante da candidata Marina Silva (PV) não poderá comparecer ao debate por problema de agenda.

 

A mesa será formada pelos três representantes, com mediação do presidente da Fiocruz, Paulo Gadelha, e do diretor da ENSP, Antônio Ivo de Carvalho. Os temas sugeridos para a exposição são: financiamento ao SUS, qualidade da atenção, saúde suplementar e eficiência da gestão. Serão propostas quatro rodadas para todos os representantes, divididas pelos temas. Ao final, haverá em média um total de 30 minutos de exposição para cada representante.  O debate é aberto para todos os interessados.

 

Os presidenciáveis e a Saúde

Reportagem, publicada pela agência Câmara, relaciona os principais projetos em tramitação na Câmara com as promessas de campanhas comuns entre os candidatos à Presidência na área da saúde. Segurança  pública, educação e emprego serão os próximos temas abordados.

 

A Agência Câmara inicia a série de reportagens sobre as propostas dos presidenciáveis pelo tema da saúde — campeã de preocupação dos brasileiros, segundo pesquisa divulgada pelo Ibope em junho. 63% dos entrevistados disseram que o tema deve ser prioridade do próximo governo, 20% a mais do que o registrado por pesquisa idêntica feita no período anterior às eleições de 2006.

 

As reportagens comparam as principais plataformas de campanha defendidas por pelo menos dois candidatos na área da saúde com os projetos similares que tramitam na Câmara. A conclusão é que os debates das campanhas já estão em andamento no Congresso há anos.

 

É o caso, por exemplo, da garantia de mais recursos para a saúde, objeto da proposta de regulamentação da Emenda Constitucional 29 (PLP 306/08), que os três principais candidatos à Presidência, segundo as pesquisas de intenção de voto – Dilma Rousseff (PT), José Serra (PSDB) e Marina Silva (PV) – prometeram levar adiante. O mesmo ocorre com as propostas de distribuição de medicamentos gratuitos e de melhorias aos profissionais da saúde.

O candidato do Psol, Plínio de Arruda Sampaio, foi incluído no levantamento porque o seu partido tem representação no Congresso, assim como os três que pontuam nas pesquisas. Suas propostas, no entanto, não são compartilhadas pelos outros candidatos.

 

Fonte: Boletim do Cebes

 

PALAVRAS-CHAVE

  • PROJETOS

    • Informação, formação e comunicação em favor de um ambiente mais seguro para a sociedade civil organizada

Rua General Jardim, 660 - Cj. 71 - Osasco- CEP: 01223-010 - São Paulo - SP - Tel.: 11 3237-2122

Horário de funcionamento do escritório: segunda à sábado, das 9h às 19h

design amatraca