ABONG -  - Associação Brasileira de Organizações Não Governamentais

associe-se

conheça nossas associadas

Procure pelo nome em um dos campos abaixo:

selecione
selecione

Ou faça aqui uma busca detalhada:

selecione
selecione
selecione
selecione
  • APOIO

    • Misereor
  • REDES

    • Mesa de Articulación

Documentário destaca importância da correta gestão de resíduos sólidos no Brasil

12/08/2014

A Lei Federal Brasileira nº 12.305, que versa sobre a Política Nacional da Gestão de Resíduos Sólidos (PNRS), foi instituída em agosto de 2010 e estipulou o fim dos lixões até 02 de agosto de 2014. Porém, cerca de 60% dos municípios brasileiros ainda não cumpriram a Lei e seguem destinando resíduos sólidos para lixões. Diante da ineficiência de parte do Poder Público e da falta de apoio popular,o documentário "Política nacional e a gestão de resíduos sólidos” mostra como com a correta destinação e o trabalho conjunto de catadores, setor público e privado é possível desenvolver uma consciência ambiental e sustentável.

 

O documentário aborda os benefícios da correta gestão do lixo e esclarece sobre as diretrizes da gestão e as responsabilidades que o poder público, o setor privado e o cidadão devem ter em relação ao destino dos resíduos sólidos. O depoimento do secretário de Serviços de São Paulo, Simão Pedro, destaca que a lei nacional é uma grande conquista da sociedade brasileira e assinala a importância do planejamento e responsabilidade de pôr fim aos lixões ainda este ano.

A PNRS deve atender às necessidades de sustentabilidade para que não se comprometa o meio ambiente e as gerações futuras. O filme reforça o papel do catador de lixo e fala sobre a parceria de sucesso que deve haver entre esses trabalhadores e o setor público.

O conceito de "logística reversa” é também destacado no filme, pela qual é responsabilidade do agente poluidor os resíduos que produz. Empresas e cidadãos devem destinar o lixo de forma correta, e devem ser responsabilizados pelo que geram de resíduos. Outra preocupação é a separação correta do lixo para facilitar o trabalho dos recicladores. Para isso, o documentário apresenta alternativas que estimulam a reciclagem domestica.

Formas de aproveitamento de resíduos orgânicos, como a compostagem, o sistema de tratamento de resíduos com presença de oxigênio e a biodigestão, sistema que processa resíduos sem oxigenação, que os transforma em o adubo e gás metano, são apresentadas no intuito de difundir o conceito de sustentabilidade e preservação do meio ambiente.

O documentário faz refletir sobre a desproporcional quantidade de lixo produzida diariamente sem que haja uma contrapartida de destinação correta para o aproveitamento desses resíduos. O filme propõe uma urgente mudança de atitude da população e do setor publico. O primeiro passo para a sustentabilidade e a garantia de um futuro melhor para as próximas gerações é entender que o reaproveitamento e reciclagem dos resíduos sólidos é fundamental.

Para assistir ao documentário: 

 

PALAVRAS-CHAVE

  • PROJETOS

    • Programa de Desenvolvimento Institucional (PDI)

Rua General Jardim, 660 - Cj. 81 - São Paulo - SP - 01223-010
11 3237-2122
abong@abong.org.br

design amatraca