ABONG -  - Associação Brasileira de Organizações Não Governamentais

associe-se

conheça nossas associadas

Procure pelo nome em um dos campos abaixo:

selecione
selecione

Ou faça aqui uma busca detalhada:

selecione
selecione
selecione
selecione
  • APOIO

    • Misereor
  • REDES

    • TTF Brasil

PUBLICAÇÕES ABONG

páginas 1 2 3 4 5 6 7 8 ...

  • PL 7168/2014: construindo uma sociedade civil autônoma e transparente

    PL 7168/2014: construindo uma sociedade civil autônoma e transparente

    As Organizações da Sociedade Civil (OSCs) brasileiras vivem um momento muito difícil, com dificuldades crescentes para garantir sua sustentabilidade financeira e política. Uma parte deste problema decorre da falta de um marco regulatório adequado, que regule as relações entre organizações e as várias instâncias do poder público. Hoje, a realização de parcerias entre organizações e governos está cada vez mais difícil, pois a legislação é confusa e deixa os administradores públicos e as organizações em situação de insegurança jurídica. Um primeiro passo para essa mudança foi dado no Senado Federal, que aprovou em dezembro de 2013 um projeto de lei que é considerado um grande avanço pelas organizações. Trata-se do substitutivo do senador Rodrigo Rollemberg (PSB-DF) ao PL de autoria do Senador Aloysio Nunes (PSDB-SP), que garante diversas conquistas para dar maior segurança jurídica para as OSCs nas relações com as três esferas de governo. O projeto está agora na Câmara dos Deputados, onde tramita como PL 7168/2014. A Plataforma por um Novo Marco Regulatório para as OSCs apoia a aprovação do projeto como veio do Senado. Para auxiliar nesse propósito e ampliar a mobilização em torno do Marco Regulatório, a Abong organiza, com apoio do Instituto C&A, a cartilha "PL 7168/2014: construindo uma sociedade civil autônoma e transparente". A intenção é capacitar suas entidades filiadas, organizações e movimentos sociais parceiros para ações de incidência de mídia e política para essa batalha.

    download

  • A Agenda Pós-2015: A Sociedade Civil e o Futuro que Queremos Pautar na ONU

    A Agenda Pós-2015: A Sociedade Civil e o Futuro que Queremos Pautar na ONU

    Passados quatorze anos do lançamento dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, as Nações Unidas (ONU) enfrentam o desafio de definir e acordar os novos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS), num contexto de crise econômica e financeira, de transformação da geopolítica mundial, de mudanças climáticas e ainda de crise alimentar, instabilidade social, conflitos armados e aumento das desigualdades em diversas partes do mundo. Diversas organizações brasileiras acompanharam os debates e tensões do processo, inclusive produzindo insumos para influenciar essa primeira fase de negociação entre os Estados-membros e em articulação direta com o governo brasileiro que, por sua vez, somente em 2014 instituiu um Grupo de Trabalho Interministerial para acordar posições, mas o diálogo com a sociedade civil ainda é incipiente e carece de canais formais para o debate. Sobre o estado da arte desse grande debate global sobre “desenvolvimento sustentável”, para a Associação Brasileira de Organizações Não Governamentais (Abong) os ODS são, sem dúvida, uma oportunidade de romper com o mantra, comprovadamente ineficaz, de que crescer economicamente será suficiente para alavancar um outro modelo de desenvolvimento sustentável. Porém pouco parece estar em curso para que seja revertida a atual tendência de manutenção do status quo que nos leva, sempre, a modelos insustentáveis e desiguais. Há, portanto, muito a ser feito entre outubro de 2014 e setembro de 2015, e
    a organizações da sociedade civil precisam incidir estrategicamente e mudar essa correlação de forças entre evoluir, estagnar ou retroceder.

    download

  • O dinheiro das ONGs

    O dinheiro das ONGs

    Em qualquer conversa no Brasil em que apareça uma Organização Não Governamental (ONG), uma pergunta sempre é feita, em geral com ar desconfiado: de onde vem o dinheiro? Para tentar responder a essa pergunta e quebrar preconceitos que dificultam o trabalho das entidades, o Observatório da Sociedade Civil lançou a reportagem especial O Dinheiro das ONGs – Como as Organizações da Sociedade Civil sustentam suas atividades – e porque isso é fundamental para o Brasil.

    download

  • PROJETOS

    • Agenda 2030

Rua General Jardim, 660 - Cj. 71 - Osasco- CEP: 01223-010 - São Paulo - SP - Tel.: 11 3237-2122

Horário de funcionamento do escritório: segunda à sábado, das 9h às 19h

design amatraca